Culinária, Reflexão

Alimentação: uma mudança.

Antigamente eu sentia que falar de alimentação sempre se tornava um assunto polêmico que terminava com a frase “não troco um bife sangrento por uma porção de mato” ¬¬’ Hoje em dia a preocupação com a alimentação aumentou muito e as pessoas estão com a mente mais abertas. Ser vegetariano ou vegano, deixou de ser um monstro de 3 cabeças e já está sendo visto com outros olhos.
Outro dia li um post no Odeio Sagu que contava como eles decidiram virar vegetarianos e fiquei me perguntando quanto tempo eu era. Acabei indo perguntar para minha irmã e para minha surpresa já são quase 15 anos que não como carne. UHULLL \o/
Então, decidi compartilhar um pouquinho com vocês. 

Pra ser sincera, tenho uma grande dificuldade de explicar como e porque virei vegetariana.
Por muitos anos, eu e minha irmã moramos com a família de um tio por parte de pai, boa parte da nossa educação e aprendizado foi dada por eles. A única coisa que me vem na cabeça é que eu era muito nova e na época não senti falta nenhuma, já que minha tia fazia diversas coisas gostosas que não iam carne. Uma das poucas lembranças de comida que tenho era que quase todos os finais de semana tinha bife a milanesa, com vinagrete e eu ADORAVA! hahahahaha
Na época eu não entendia direito as coisas e muito menos minhas próprias decisão. O que me davam pra comer eu tinha que comer! Até me lembro quando morei com a minha avó, um dia um tio de Pernambuco fez eu e minha irmã comer bucho. ECA,ECA! Nunca esquecerei a textura. #traumavegetais_06

Eu sempre fui bastante chata com comida! Apesar de ter que comer o que davam e mandavam, na verdade eu gostava mesmo era de: hambúrguer , coxinha, esfiha de carne, mortadela frita, salame, filé de frango bem douradinho, salsicha etc. Pra mim, carne não podia ter gordura, nem nervo e muito menos pele. Resumindo eu só gostava de comer as besteiras e porcarias que qualquer adolescente gosta.
Mesmo sem a carne [todas elas: peixe, frango e carne vermelha] a gente continuava comendo, principalmente hambúrguer e bife, que apesar da textura diferente, o gosto lembrava muito carne, mas na verdade eram de proteína de soja e pra mim não fez diferença nenhuma na época, porque eles eram [e são <3] muito gostosos.
Claro que durante esses 15 anos eu tentei voltar, pela pressão de terceiros, e um pedacinho de carne me resultou em muito soro na veia e um dia inteiro de purê de batata. hahahahahahaa Mas, foi uma grande lição aprendizada!

Com o passar dos anos eu fui aprendendo e entendendo melhor como é ser vegetariana [ovo-lacto-vegetariana] e hoje com meus 24 anos, não sinto falta NENHUMA de carne e sei muito bem que posso ter uma vida mais saudável, feliz e sem nenhum peso da consciência.

  1. DERIVADOS [QUEIJO, OVO E LEITE] –  O que mais me perguntam quando eu falo que não como carne: “MAS, VOCÊ COME QUEIJO E TOMA LEITE?” Aii, jesus!! Eu não sou expert, mas se você for capaz de fazer uma breve pesquisa na internet descobrirá que existe vários tipos de vegetarianos, eu que não como carne, mas como derivados na verdade sou ovo-lacto-vegetariana.
    Queijo, meu querido queijo <3 Gosto bastante de queijo, todos os tipos [mas tufo é algo que ainda não achei o tempero certo]. Utilizo em quase 95% das minhas receitas e POR ENQUANTO não me imagino sem. Já o ovo, eu gosto mas as vezes me enjoa, então para algumas receitas até substituo por outro ingrediente e percebo que tem como viver sem [mas não me recomendam tirar]
    Nunca fui muito fã de tomar leite, principalmente de manhã [na verdade não sou acostumada nem a tomar café da manhã, mesmo sabendo que é uma das refeição mais importantes] e manteiga mesmo só se o pão estiver fresquinho e quentinho ou quando o requeijão acabar. Esses são dois itens que penso muito em substituir, pois na maioria das vezes utilizo apenas no preparo de alguma receita.
  2. PROTEÍNA DE SOJA É AMOR! – A famosa soja! Não como todos os dias, até porque não é só colocar na panela, tem todo o processo de hidratar/temperar e a pressa nunca será sua melhor amiga nessa hora. Eu sinto o grande preconceito que as pessoas tem pela soja e acho até engraçado pois eu tinha a mesma coisa com muitos legumes que hoje gosto. É tudo uma questão de como você prepara e o mais importante os temperos que você usa. Eu mesmo aprendi isso com o tempo e hoje ao hidratar a soja pra qualquer receita, utilizo o molho de soja [famoso molho de shoyu] e já faz toda diferença.vegetarianismo
  3. VEGETAIS Acho que todo mundo tem algum legume que não vai muito com a cara. Quando mais nova eu adorava ficar caçando a batata na sopa e me batia uma tristeza quando naquela colherada vinha um chuchu, pela’mor eu achava o legume mais sem graça e sem gosto do planeta e HOJE, adoro! Principalmente com ovo mexido <3 HAHAHAHA
    Com o passar do tempo a gente aprende novas formas de preparado e descobre novos sabores. Então, mesmo que você não seja uma master chefe e não saiba fazer aquela receita com nome difícil até de escrever, pode ter certeza que passar fome você não vai. E na vida de um vegetariano legumes e verduras são mega importantes.
  4. APRENDER NOVAS RECEITAS – Pra mim foi quase que uma obrigação, pois hoje morando apenas com a minha irmã e sendo a única que gosta de cozinhar, tiver que me virar e buscar novas receitas pra não acabar comendo todos os dias batata ou ovo frito. hahahahahaha #tristerealidade
  5. OS PRAZERES DA VIDA – Quem olha, imagina que eu só como mato ¬¬ [que ódio me dá quando escuto isso] mas estão mega enganadas. Primeiro, deixar de comer corne não é se alimentar mal, pelo contrário, é saber buscar em outros alimentos as proteínas e vitaminas que você precisa. Eu mesmo como de tudo ou pelo menos tento! [claro que ainda existe algumas coisas que não sou tão fã, como beterraba ou jiló hahahhaa] Frutas, legumes, verduras, hortaliças, massa, grãos, queijo, derivados, doces e muitaaa besteiras! hahahahaha Não é só porque não como carne que não posso comer besteiras ¬¬’ Não sou 100% natureba, como coxinha, espiha e hambúrguer, só que não de carne. Não sou a louca que troca uma porção de batata frita, por uma prato de salada, na verdade prefiro comer os dois juntos. E depois pedir a sobremesa que tiver mais chocolate <3
    Deixar de comer carne é aprender a ver a vida com outras cores no prato \ovegetais_02
  6. DESABAFO – Por um bom tempo sentia muita fadiga e falta de energia até que um dia no meu antigo trabalho, uma amiga que também é vegetariana e sentia as mesmas coisas que eu, comentou que havia começado tomar suplemento de vitamina B12, eu não entendia direito o que era então fui ao médico. Lá descobri a carência da vitamina B12, meu corpo sentia falta dos nutrientes da carne e eu nem imaginava. Apesar da vitamina B12 ser encontrada em maior quantidade nos alimento de origem animal, para os vegetarianos e veganos ela pode ser substituída por suplemento de vitamina. #alegria

Vou confessar que acho muito forte os documentários sobre animais que tem pela internet, sinceramente nunca parei para assistir um inteiro, pois a tortura que os animais sofrem é uma realidade que te dá um chute com os dois pés na cara, é de cortar o coração e traumatizar qualquer um que tenha consciência e um coração de verdade batendo dentro do peito. [ Independente de você ser vegetariano ou não]. Também não sou do tipo que fica pregando pra você parar de comer carne, pois faz mal para você, para os animais e mais ainda para o planeta.  Mas, acho muito interessante você perceber a importância de uma vida saudável e conhecer melhor outras opções de alimentação e acima de tudo, entender como é a vida de uma pessoa sem carne, antes de sair julgando e falando asneira.

Não se engane achando que eliminar AGORA a carne da sua alimentação irá te fazer bem, não seja cabeção, procure um profissional e entenda o que seu corpo precisa e como ele funciona.

Espero que vocês tenham gostado do resumo dessa grande mudança na minha vida. \o
Quem mais é vegetariano ou pensa em ser futuramente? Me contem as experiências de vocês <3
beijos, beijos.

Comente com seu face <3

Previous Post Next Post

You Might Also Like

22 Comentários

  • Reply Lari 10 de Fevereiro de 2016 at 13:34

    Gostei bastante desse post!
    Principalmente por você mostrar que respeita quem não é vegetariano (não esperava algo diferente, mas tem gente que anda atacando os outros por conta disso) e por mostrar uma foto tão gostosa desses hambúrguers! haha. A cada dia, eu busco uma alimentação mais saudável. Mas, eu como carne e eu amo carne. Jamais me fechei para a possibilidade de parar de comer, mas ainda não é algo que eu consigo lidar… Num futuro próximo, quem sabe!
    Lari postado recentemente…Can you hear me, Major Tom?My Profile

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 10 de Fevereiro de 2016 at 14:04

      Oii Lari 😀
      Fico super feliz que tenha gostado \o/
      Eu tenho muitos amigos como você e sinceramente não fico pegando no pé deles por eles gostarem de carne, quando sua mente e seu corpo estiverem preparados pra parar acho que será algo muito mais natural e tranquilo.
      Mas uma coisa eu afirmo, existe MUITAAAS coisas gostosas no mundo vegetariano que até meu namorado que não é, gosta <3 ahahahahaha
      Acho que conhecer novas formas de alimentação são sempre bem-vindas, não é verdade?! 😀
      Bjoos

  • Reply Amanda Hillerman 10 de Fevereiro de 2016 at 17:40

    Nossa esse post chegou em uma hora tão boa na minha vida! Quando eu tinha uns 20 anos fui na nutri para cortar a carne e seguir a dieta “ovo-lacto” mas na época eu não consegui principalmente pq na época eu não fazia a minha própria comidinha. Mas eu estou super incomodada desde o ano passado em parar de comer carne também, ai desde o início desse mês estou seguindo sem carne, e ao final do mês tenho consulta na nutri para fechar essa ideia!
    Beijos!!
    Blog Amanda Hillerman
    Amanda Hillerman postado recentemente…Discípula Secreta + CosmoTAGMy Profile

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 10 de Fevereiro de 2016 at 18:32

      Oiii Amanda 😀
      Poxaaa, sei bem como é fazer minha própria comida, não é fácil e as vezes cansa 🙁
      Já faz bastante tempo que moro só com a minha irmã e tive que aprender a me virar pra não comer todo dia pipoca e batata frita hahahahaa
      Na época que morei com meu pai e tinha que fazer carne eu também sofria bastante hahahahaha então acredito de verdade que é uma questão de você querer melhorar sua alimentação. Se você está incomodada então seja realmente a hora de fazer uma mudança…
      Fico mega feliz em ver que você está seguindo a orientação de um médico 😀
      Depois faz um post contando mais sobre isso *_____*
      grande beijo

  • Reply Daniela Almeida 10 de Fevereiro de 2016 at 20:14

    Me identificando em 3…2…1… hahahaha
    Faz pouco tempo que abandonei a carne, vai fazer um mês daqui dois dias! Mas já sinto uma ENORME diferença! Sou ovo-lacto também mas quero cortar os derivados assim que puder mas tenho que ir com calma, ainda mais porque sei que vou sentir muita falta rs
    Agora sobre a vitamina B12 eu já ouvi que muitos vegetarianos fazem suplementação mas não sabia qual era o efeito! É ótimo saber isso porque eu já sou uma pessoa cansada, sem energia por natureza rs
    Se não for perguntar demais… Qual que você usa? 😛

    Agora sobre os documentários é bem TENSO mesmo. Quando assisti a Carne é Fraca cortei no mesmo dia na hora. Depois fui inventar de assistir Terráqueos e quase desidratei de tanto chorar, foi péssimo. Não assisto esses documentários mais… eu fico mal o dia inteiro.

    Minha meta para daqui alguns anos é migrar para o veganismo, acho que eu nasci para esse estilo de vida rs. Mesmo recém ovo-lacto vegetariana sempre me preocupo e pesquiso os produtos que têm origem animal ou são testados neles…

    Beijocas flor, adorei teu post! Super me identifiquei <3
    Daniela Almeida postado recentemente…She & Him: a banda (fofa) da atriz Zooey DeschanelMy Profile

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 13 de Fevereiro de 2016 at 00:29

      Aiiii Daniii, vou chorarr!! <3
      ADOROOOO SEU BLOG #morri HAHAHAHAHAHAHA
      Poxa vida!! Me conta, o primeiro mês é o mais difícil mesmo? Eu era muito nova, nem lembro como foi 🙁 hahahahahah
      Eu não me imagino cortando os maravilhosos queijos da minha vida 🙁 Mas outros derivados estou analisando a mudança, tenho poucos amigos veganos mesmo sabe, então o contato com esse universo também é novo e diferente pra mim, mas quero muito aprender mais <3
      Então, vou ser sincera, eu fui na nutricionista e em um clinico geral pra pedir exame de B12 e foi bem engraçado ahahhahahahaa a nutri me indicou comprar qualquer um na farmácia mesmo e o clinico me passou uma receita pra manipular o suplemento, pq ele calculou todas as vitaminas que eu tinha um pouco baixa e tal, rolou um cuidado maior, achei bem mais interessante, mas como queria entender se ia funcionar, arrisquei no da farmácia mesmo e comprei aquele de embalagem marrom e vermelha, FDC alguma coisa hahahaha mas parei de tomar depois de 4 semanas 🙁 ahahahahaha tenho um grande problema em tomar comprimido, principalmente pq eles não eram pequenos 🙁
      MAAASSS, estou com o foco de voltar a tomar novamente e irei em outra nutricionista para ver se ela faz uma receita pra mim de verdade... Resumindoo, supeeer te indico em ir nos dois médicos e ver qual você sente mais confiança, pq é uma vitamina importante que precisamos consumir de alguma forma e entender qual é a melhor maneira é algo que também estou aprendendo ainda 🙁
      Acredito que os poucos minutos de doc que eu vi foi exatamente da "carne é fraca" e nem precisei continuar pra ver o quanto era pesado, isso pq eu era criança, agora se eu assistir posso querer sair na rua gritando com todo mundo que ainda come carne ;x é tensoo

      Mas isso que é legal Dani, vc se sentir bem e feliz com essa escolha, aprender sobre os alimentos é algo muito importante, eu não entendo muita coisa e as vezes até finjo não entender pra não deixar de comer aquela bolacha que tanto gosto... Já produtos que testam em animais eu sempre fui muito por fora, mas andei vendo algumas coisas que me deixou chocada, então tendo focar nas marcas que sei que não fazem esse absurdo ¬¬

      Supeeeeer feliz fico em te ver se identificando com o que falei, sinta-se fortemente abraçada <3 e espero ler em breve no seu blog um pouco mais dessa sua mudança também 😀
      beijãooo <3

  • Reply Clara 10 de Fevereiro de 2016 at 21:58

    Que legal seu post Luna! De coração. Eu venho passando por um processo longo, aos poucos venho tirando a carne da minha alimentação mesmo que às vezes eu coma durante a semana, eu já não me sinto a vontade. E eu nunca fui nenhum pouco fã de carne vermelha, apesar de comer às vezes frango. Mas até mesmo o frango já estou deixando de comer. Sei lá é meio complexo. E uma coisa que me ajudou muito foi os snaps da Yasmin Brunet, ela fala muito sobre vegetarianismo e veganismo. E ela incentiva muuuuuuuuito as pessoas a virarem vegetariana. Tipo eu vi que el tinha falado uma vez sobre os suplementos alimentares também. Meu maior medo no começo era que eu tive anemia durante ANOS da minha vida, mas graças a deus, estou conseguindo mudar muito meu hábito alimentar, estou fazendo sempre saladas, tomando sucos e essas coisas. Acho muito bacana né, e é todo um processo…Depois a gente acaba chegando lá. As pessoas pensam que é muito difícil no começo. Mas na verdade não, é só que a questão de assumir isso é chata, porque as pessoas ficam te perturbando sobre o assunto, hahah e tem gente que acha que a gente é louca.
    Eu vi já um documentário sobre animais, e isso fez com que eu tivesse um clique e finalmente tomasse a decisão de mudar meus hábitos alimentares.
    Clara postado recentemente…5 coisas do dia a diaMy Profile

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 13 de Fevereiro de 2016 at 00:43

      Claraaaaaa, sua linda de cachinhos <3
      Eu trabalhei com uma menina que só comia peixe e tinha uma alimentação MEGA saudável! Isso já é uma grande mudançaa!!
      Mas é como vc bem falou, é meio complexo de verdade, porque você precisa entender o que seu corpo precisa antes de cortar ;x Principalmente vc que no caso já teve anemia, tem que ter acompanhamento médico senhorita <3 Mas só de você ja querer mudar e entender melhor sua saúde é uma começo maravilhosoooo. Tudo no começo é chato! Principalmente quando o envolve o julgamento das outras pessoas, eu até hoje passo por isso, tem pessoas que entendem, mas pessoas mais velhas, acham supeeer errado eliminar a carne e mil mimimi's, mas é uma questão de como cada um foi criado, até evito discutir, pq sempre gera polêmica ¬¬ e no final o CERTO é vc não estar prejudicando seu corpo e sua saúde, o restoooooo, que os outros pensam que importa 😛
      Documentários sempre são bem impactantes, é uma triste realidade que muitos fecham os olhos. 🙁
      Fico supeer feliz em poder compartilhar um pouco nesse seu novo momento Claaara <3 desejo de coração que você se encontre nesse novo muito cheio de gostosuras naturais e qualquer coisa estou aqui okk ahhahahaa
      supeer beijo 😀

  • Reply Ana Paula Camina 11 de Fevereiro de 2016 at 15:32

    Muito legal o seu post, Raquel!!
    Acho que o importante de tudo é o que você disse, se informar, ir ao médico, respeitar o seu corpo, descobrir mais opções de coisas gostosas pra comer…
    Eu não tenho vontade de ser vegetariana, mas tenho muita vontade de comer bem menos carne, quantidade e frequência e descobrir outros sabores.

    Beijos!!
    Ana Paula Camina postado recentemente…O UNO e a arte de jogar cartas com os amigosMy Profile

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 13 de Fevereiro de 2016 at 00:15

      Oiii Ana 😀
      Uhuuulll, que alegria saber que você gostou do post <3
      Olhaaa, eu tenho muitos amigos que comem carne, mas evitam comer todos os dias também, sempre ouvi falar que não comer carne vermelha todo dia já ajuda muito, mas não posso te afirmar isso ahahahhahahaa Mas buscar outras opções além da carne já é supeeer bacana, supeeer apoio em descobrir novos sabores, faz bem até pra não enjoarmos de comermos sempre a mesma coisa \o
      Grandee beijo 😀

  • Reply Nina Altomar 22 de Fevereiro de 2016 at 13:58

    Eu tenho uma amiga vegana que faz comidas maravilhosas, que me enchem a boca d’água só de lembrar! Por conta disso me abri mais a experimentar coisas novas e adicionei muita coisa ao meu cardápio. Aos poucos eu reduzi a quantidade de carne que eu como, mas ainda não tenho certeza se conseguiria viver sem carne.. acho que sem o frango a milanesa da minha mãe eu não poderia ficar sem! 😡

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 22 de Fevereiro de 2016 at 17:54

      HAHAHHAHAHAHAHAHA eu te entendo Nina!! Comida da mãe é fogoo hahahahahaha
      Mas você ja fez uma grande mudança, que muitos não fazem, que é adicionar novas alimentos na alimentação \o/ Parece pouco, mas já é ótimo vc entender que não precisa comer SÓ CARNE e existe muitos outros alimentos DELICIOSOS <3

  • Reply Vannia Bertholldo 26 de Fevereiro de 2016 at 20:37

    Que post legal Raquel! Há quase dois anos atrás eu assisti a um vídeo no youtube que falava sobre o estilo de vida vegano e porque quem é vegano não consome comidas e nem usa roupas, cosméticos ou qualquer outra coisa que contenha itens animais. Eram argumentos fortes e plausíveis. Eu fiquei mal, chorei, fiquei ruim por uns dias e tentei de cara cortar tudo o que continha carne, leite, ovos, mel, enfim. Não precisa dizer que não consegui e me senti a pior das pessoas. Aí eu entendi que a mudança vem aos poucos, não dá pra ser radical, mas precisa ter um começo. Se o começo é retirar as carnes do cardápio, então que seja esse o começo. E ao longo do caminho vai se retirando as outras coisas como ovos e leite. Eu honestamente não sei se conseguirei chegar ao ponto de retirar tudo o que contém carne, mas as carnes eu já tirei.
    Abraço e obrigada pelo post!

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 29 de Fevereiro de 2016 at 10:29

      Poxaaa Vannia, é exatamente isso que você falou!
      Não adianta ser radical, primeiro que isso pode fazer mal para você mesma! Dar o primeiro passo já é um grande começo, eu que não como carne a anos, agora venho pensando em tirar alguns outros derivados, mas tenho uma grande paixão por queijos e não sei muito bem como me acostumaria sem eles 🙁
      Mas acho que as pessoas precisam ver que existes outras opções de alimentação e saber que sem carne dá pra se viver MUITO BEM é a primeira coisa que as pessoas precisam entender \o
      Fico super feliz que tenha gostado do post 😀
      grande beijos

  • Reply Bia 1 de Março de 2016 at 19:12

    Adorei o post!! Fui vegetariana por 4 anos e voltei a comer só peixe ano passado, sentia esse cansaço também mas não lembro de ter tomado suplemento, acho que por isso voltei a comer peixe. Me sinto culpada em comer, justamente por causa dos animais, se conseguisse queria muito voltar a ser vegetariana!
    Tem também o fator alergia, muita gente tem e não sabe (pode ser alergia ao glúten, lactose, etc..), acho importante as pessoas procurarem saber mais sobre o assunto, pois ainda há muita gente que acha que é frescura!!!
    Sobre os filmes também odeio ver, tem aquele “A carne é fraca” dizem que é mto tenso, mas bom para quem não liga para os animais assistirem e ver a realidade como é…

    bjão!!

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 7 de Março de 2016 at 20:36

      Oiii Biaa 😀
      Olhaa, eu conheço muita gente que deixou de comer carne vermelha e frango, mas continua comendo peixe, falam que o peixe é o melhor animal para se alimentar, mas nunca fui fã, então deixar de comer foi moleza hahahahahhaaha Mas você já teve a experiência de 4 anos sem carne e voltar a comer não é algo errado, tenho certeza que foi uma decisão que seu corpo estava pedindo pra vc fazer!
      Não basta cortar tudo tipo de carne da alimentação, as pessoas esquecem que existe vários outros fatores, como vc mesmo disse, intolerância é algo bem sério! e deixar de comer carne, vc precisa buscar as vitaminas de alguma maneira que não prejudique sua saúde.
      Acho que realmente os filmes é uma forma agressiva e bem forte da realidade, mas aposto que nem 10% das pessoas que comem carne devem ter assistido 🙁

      Ainda do aprendendo e contar um pouquinho dessa mudança na minha vida me fez aprender mais com cada uma que compartilhou sua historia aqui tbm <3

  • Reply Jessica 25 de Março de 2016 at 15:54

    Amo esse blog eu estou muito curiosa com a alimentação vegana,quero fazer um estudo profundo sobre ela,sei de muita gente que faz e esta encantada com os resultados.

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 18 de Abril de 2016 at 02:33

      Oiii Jé 😀
      Poxa faz uma pesquisa sim, vale super a pena dar uma mudada na alimentação \o

  • Reply Alice Cavalcante 13 de Maio de 2016 at 23:13

    Adorei seu post. Mudar o paladar é difícil. mas não é impossível 🙂
    Já cortei muitas coisas prejudiciais na minha alimentação.
    Vou chegar lá!

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 16 de Maio de 2016 at 15:58

      Obrigada Alice 😀
      Fico feliz que tenha gostado e espero que te inspire a chegar lá! Pode ter certeza que com o tempo você vai conhecendo novas coisas e conhecendo um novo paladar <3

  • Reply Beatriz 30 de agosto de 2016 at 15:03

    Oi Raquel, tudo bem?
    Estou mudando aos poucos a minha alimentação, não é uma coisa fácil, mas afinal de contas o que é fácil nessa vida?
    Foquei em até o final do ano ser uma vegetariana, e vou conseguir.
    Excelente post e parabéns pela sua determinação.
    Beijos

    • Raquel Luna
      Reply Raquel Luna 16 de setembro de 2016 at 10:53

      Oi Bea, tudo ótimo e vc?
      Não é fácil mesmo, mas acredito que é necessário, principalmente quando percebemos que nosso corpo está se sentindo melhor também.
      Tente deixar essa mudança o mais tranquila posssivel, que vc vai ver que ser corpo vai se acostumar sem problemas.
      Ebaaaaaaa, fico felizona que vc tenha gostado do post, as vezes as pessoas tem um preconceito IDIOTA por não entender ou conhecer a vida de uma pessoa vegetariana, porém mal sabem elas que temos uma vida totalmente normal e feliz, tbm comemos besteiras e não é só mato ¬¬ hahahahahaha
      beijão Bea e depois compartilha comigo mais sobre essa sua mudança tbm <3

    Enviar resposta

    CommentLuv badge